7 dicas para armazenar medicamentos em casa

ATENÇÃO: Você pode estar armazenando os seus medicamentos de maneira errada! Confira em nosso blog no 7 dicas essenciais para armazenar seus remédios em casa.

É um hábito muito comum dos brasileiros o de montar uma espécie de farmácia em casa para aqueles momentos em que os sintomas incômodos aparecem. Mas como remédio não é brincadeira e existem ali substâncias potencialmente nocivas, especialmente se estiverem conservadas em más condições, é preciso um grande cuidado para que você não coloque em risco a sua saúde e a daqueles que moram com você. Com bom senso e algumas dicas básicas, é mais fácil armazenar corretamente os medicamentos em casa. Quer saber como fazer isso? Confira no texto a seguir:

  • 1. Proteja da luz

Muitos medicamentos são sensíveis à luz. Por essa razão, você deve conservá-los preferencialmente na embalagem original. Caso isso não seja possível, mantenha os fármacos protegidos da iluminação.

  • 2. Resguarde da umidade

A umidade é um dos maiores vilões da conservação correta dos medicamentos. Mantenha-os sempre em local seco, se possível em prateleiras e afastados da parede. Cozinhas e banheiros, embora muito usados para isso, são más opções, pois geralmente conservam muita umidade.

  • 3. Não brinque com o calor

Outro grande vilão da boa conservação é o calor. Todo medicamento deve ficar conservado abaixo dos 25 graus centígrados. Alguns ainda precisam de condições especiais, então sempre leia as instruções de conservação antes de abrir e respeite as condições de temperatura e armazenamento.

  • 4. Foque na limpeza

Como os medicamentos ficam guardados muito tempo, é bom não deixar juntar poeira, partículas de sujeira e mofo. Mantenha o local onde eles estão limpo e evite até contaminações. Mas cuidado para não deixar substâncias de limpeza entrarem em contato com o medicamento, isso pode ser perigoso.

  • 5. Atenção com as pragas domésticas

Você também precisa ficar atento com os insetos e pragas que podem contaminar o seu sítio de armazenamento. Casas e apartamentos podem estar cheios de baratas, cupins e outros bichos indesejáveis, portanto fique atento para isso não chegar até a sua farmácia particular.

  • 6. Nunca abra mão da validade

Um péssimo hábito dos brasileiros é o de achar que podem tomar um remédio mesmo após vencido. O fato é que eles realmente costumam ter uma pequena tolerância na validade, mas se o fabricante só garante a eficácia até ali, não é você que deve testar no seu corpo o quão seguro isso é. Fiquei sempre atento e leia na embalagem a data de expiração antes de ingerir qualquer coisa.

  • 7. Cuidado no descarte

Se chegou a hora de você jogar fora aquele remédio, não pense na pia, ralo ou lixo comum. Leve até o posto de saúde ou hospital mais próximo e dê o destino mais correto ao medicamento, colocando-o no lixo adequado. Assim você cuida não só da sua saúde, mas também do meio ambiente.

Lembre-se: medicamentos podem curar, mas também apresentam riscos e podem até matar. Armazenando-os corretamente, você protegerá a sua saúde e a de quem ama, podendo aproveitar o melhor que cada fármaco pode oferecer.

Siga corretamente as instruções e tenha sempre atenção. Com saúde não se brinca!

Veja nossos Produtos